terça-feira, 24 de março de 2015

DIREITO TOLHIDO

Deputados ignoram a justiça e bloqueiam balsas no Moju
Parlamentares do PT e PMDB comandaram protesto na área da ponte danificada em acidente no ano passado

Três deputados estaduais de oposição ao governo do Pará descumpriram a determinação judicial barrando protestos na área da ponte do Moju, na rodovia Alça Viária, nordeste paraense. Os deputados Iran Lima (PMDB), Dirceu Ten Caten (PT), Beto Faro (PT) e Tércio (PROS) comandaram a manifestação que interrompeu o tráfego de veículos no local nesta segunda-feira (23). As imagens foram enviadas à redação do ORM News via WhatsApp.

Os deputados Iran Lima (PMDB), Dirceu Ten Caten (PT), Beto Faro (PT) e Tércio (PROS) descumprem medida judicial em protesto na Alça Viária. Foto: Reprodução (WhatsApp)
O juiz da comarca de Moju, Cesar Augusto Puty Paiva Rodrigues, determinou que as polícias Rodoviária Estadual e Militar do Pará impedissem qualquer interdição na travessia de balsas no município. Em sua decisão, o magistrado ressaltou que a predominância do interesse público sobre o particular. Para o juiz, os organizadores da manifestação querem impedir o direito de ir e vir das pessoas.

Quem descumprir a proibição está sujeito a multa de R$ 100 mil. 'Não se está vedando o direito de manifestação pacífica, mas apenas condenando-se a prática de eventual abuso', finalizou o juiz.

Postador: Manancial de Carajás, com informações de ORM

Nenhum comentário:

Postar um comentário